Pregão do Transporte Escolar é suspenso após pedido de impugnação



   

1Abertura do Pregão Presencial Nº 004/2017, nesta segunda-feira (30/01), com objetivo de contratar empresa especializada na Prestação de sérvios de Transporte Escolar durante o ano de 2017, garantiu a presença de 13 empresas do ramo. Logo no início do processo, no credenciamento, 05 empresas foram inabilitadas por falta de documentos.


Com 07 empresas habilitadas sendo elas: KATHARINA TRANSPORTE E LOCAÇÃO DE MAQUINAS LTDA-ME, TERRA NOVA CONSTRUTORA, TERRAPLANAGEM E LOCADORA LTDA-EPP, CMS EMPREENDIMENTOS CONSTRUÇÕES E TRANSPORTES GS2 LTDA, CONSTRUPOLLI CONSTRUTORA E INCORPORAÇÃO LTDA, LN SERVIÇOS E EMPREENDIMENTOS LTDA E TENGEPLAN CONSTRUÇÕES LTDA-ME, o processo acabou sendo suspenso.

Segundo a ata do pregão, o motivo da suspensão partiu por conta da empresa Thacar Comércio de Material de Construção LTDA ter entrado com pedido de impugnação do referido certame licitatório no dia (27/01).

O pregoeiro Christian Amador Ribeiro, preservando transparência no processo e de maneira correta, suspendeu e remarcou para a próxima sexta-feira (03/01), às 9:30 na sala da licitação na Prefeitura de Prado a abertura dos envelopes de proposta de preços e habilitação, envelopes esses retidos após suspensão.


O site Prado Online esteve e estará presente na próxima sexta-feira, dia (03/01), mostrando e transmitindo a transparência do processo realizado pela Prefeitura Municipal de Prado.

Copia da ATA:

scan0004scan0005scan0006